Os Caminhos de Santiago exercem em nós uma força que nos impele a visitar regularmente o apóstolo, que reza a lenda descansa na catedral de Compostela. Este ano fizemos a jornada partindo do Porto, seguindo pela costa, saboreando a brisa marítima, o azul infinito do mar e as encostas rochosas à espera de serem por ele reclamadas.