Pág. 1 de 5

Fomos conhecer a Serra de São Macário, onde meditou o ermita, penitenciando-se pelos pecados e vida boémia que viveu, enclausurado em serrados e impenetráveis penedos, longe da vista humana. No fundo do vale o povo erigiu com xisto a Aldeia da Pena, com vista para a Livraria da Pena, onde se pode ler na curiosa geologia e restos fossilizados da passagem de trilobites a história do ordovício há 480 milhões de anos. O rota da Cabra e do Lobo de São Pedro do Sul começa nesta Aldeia de Portugal, caminha por paisagens que a elevação humana não abarca, passando pelas igualmente formosas aldeias de Covas do Monte e Covas do Rio. É esta odisseia pelo passado que lhes vamos contar neste artigo, onde vimos cabras e até um lobo fugidio.  

Novos percursos da Ecopista do Vouga | Ecopista de São Pedro do Sul e Ecopista de Vouzela

O Ondas da Serra regressou de bicicleta à Ecopista do Vouga, para conhecer a Ecopista de São Pedro do Sul e a mais recente Ecopista de Vouzela, que também aproveitaram o antigo percurso ferroviário. O caminho que escolhemos começou na Serra da Freita e terminou na estação ferroviária de Macinhata do Vouga. Neste artigo vamos contar-lhes a nossa aventura através dum percurso espetacular que também pode fazer pelos melhores trilhos de Viseu e Aveiro.

As pessoas estão de regresso à natureza, procurando trilhos para fazer a caminhar ou de bicicleta, por ciclovias, ecopistas ou ecovias. Esta demanda levou à criação de belos percursos, que atravessam locais magníficos, junto de rios, rasgando serradas montanhas, tocando o céu ou beijando o mar. Em alguns casos por onde resfolgavam comboios a vapor, agora gritam crianças caminhando ao lado dos pais ou pedalando forçosos grupos de ciclistas, trazendo vida a terras que já estavam esquecidas pelo tempo. Neste artigo mostramos-lhe algumas as nossas aventuras e como fomos felizes a percorrer algumas das mais icónicas do norte de Portugal.

Ecovia do Vez – 32 quilómetros junto de rios e natureza  

A Ecovia do Vez é um daqueles percursos que os amantes das caminhadas e bicicleta devem conhecer pela sua riqueza paisagística, história, fauna e flora. Os seus 32 quilómetros têm sempre por companhia os Rios Lima e Vez e terminam duma forma espetacular no Sistelo, que ganhou honradamente o titulo de Tibete Português.

A Reserva Ecológica Nacional dos concelhos de Alvito e Ferreira do Alentejo, teve como principais objetivos proteger a sua rica fauna e flora. No seu interior foi construída a barragem de Odivelas, na bacia hidrográfica do rio Sado, criando uma extensa e bonita albufeira. Neste artigo vai fica deslumbrado com a riqueza deste paraíso e com vontade de conhecer este local especial no baixo Alentejo. Nesta região poderá fazer caminhadas pelos montes e montados Alentejanos, praticar desportos aquáticos, explorar a sua fauna, flora, gastronomia, vinhos, conhecer a sua rica história e visitar os seus monumentos.

O Ondas da Serra há muito que planeava fazer uma reportagem no Alentejo, para sentir o seu abraço caloroso, calcorrear os montados e abarcar as planícies cobertas por tons cálidos de bonança. Por esta razão decidimos passar as nossas férias em duas regiões distintas do Alto e Baixo Alentejo. Esperamos que a nossa demanda vos possa inspirar a conhecer o belo Alentejo e cumprir o slogan desta região turística, “Tempo para ser feliz”. Convidamos os nossos leitores acompanhar-nos de forma descontraída, por estes 12 dias de viajem e experenciar os nossos sentimentos e paixão renovada por esta região.

Pág. 1 de 5