Fazer (6)

Fazer

Neste concelho o visitante poderá conhecer as suas bonitas aldeias de UL ou Vilarinho de São Luís, ambas com percursos pedestres para fazer, visitar o Parque Temático Molinológico, onde ficará a conhecer um pouco da histórica dos moinhos e como antigamente se moíam os cereais e se confecionava o pão, podem ver com bastante proximidade os padeiros a fazer e colocar o pão no forno. Neste parque podem degustar o famoso pão e regueifa de UL, mais recentemente começaram também a fazer pão com chouriço. Local com bastante tradição na prática do hóquei em patins mas que se tem afirmado recentemente também no futsal.

O Rio Caima pula como uma criança pela Serra da Freita abaixo, brincando por montes e vales desde Albergaria da Serra em Arouca até à foz no Rio Vouga. Ao chegar à Frecha da Mizarela lança-se incauto no abismo, mas vai ganhando carácter com o crescimento ao passar por terras de Vale de Cambra e Oliveira de Azeméis. Em Ossela é já um confiante e belo jovem por cujas damas se enamoram. Para o agradar, Palmaz em 2011 ofereceu-lhe nas suas margens uns passadiços, muito aclamados pelo povo. Este é um local agradável para caminhar pelos recônditos trilhos, rodeados de frondosa vegetação, escutando a sinfonia dos pássaros, sussurro das águas e zumbidos das abelhas. Contudo passado mais de uma década desde a sua requalificação o espaço carece de atenção e de obras de manutenção, para relançar todas as suas potencialidades e recolocar o velho rio no seu usurpado trono.

O Santuário de Nossa Senhora de La-Salette situa-se no concelho de Oliveira de Azeméis, distrito de Aveiro. Ao aproximarmo-nos do local, escondido na floresta do monte, vamos descobrindo o templo que se ergue em direção ao céu, convidando ao longe os crentes para oração. Antes de começarmos a sentir o parque quisemos visitar a Igreja. A fé que se vive neste sítio é única.

Reunimos os melhores locais para dormir enquanto descobre o património de Oliveira de Azeméis. O concelho é um dos destinos incontornável para os amantes de cidades com uma agenda cultural intensa, permanentemente quebrada por workshops de história, arte e, claro, vida. Recarregue baterias em alguns dos hotéis, pousadas ou quintas mais icónicos desta terra enquanto aproveita para explorar caminhos apaixonantes por paisagens e histórias.