Os reflexos âmbar dos vinhos da Casa D’Almear descobrem duas histórias que se escrevem a um só ritmo. À medida que a paixão de António Castilho se consolida enquanto projeto familiar, a história de Travassô, no concelho de Águeda, vai precisando de mais folhas para eternizar a sua jovem relação com a produção vinícola.

A personalidade dos vinhos da Casa D’Almear começou a ser traçada em 2007 quando António Castilho se aventurou num projeto vinícola em Travassô, no concelho de Águeda. Onze anos depois, os dois hectares das vinhas Casa D’Almear são insuficientes para os projetos que se avizinham.

O Município da Mealhada estará presente na primeira edição do “Grande Escolha l Vinhos & Sabores”, juntamente com a Associação Maravilhas da Mealhada, para promoção dos ícones da região: gastronomia e vinhos – com destaque para os produtos 4 Maravilhas da Mesa da Mealhada -, artesanato, mel, infusões da Mata do Bussaco e até livros da região.

O livro “Territórios Vinhateiros de Portugal” será apresentado na próxima terça-feira, 8 de agosto, pelas 16h30, na Biblioteca Municipal da Mealhada. Trata-se de uma obra da Associação de Municípios Portugueses do Vinho (AMPV), que serve de guia das regiões vinícolas portuguesas, incluindo a Mealhada, destacando os vinhos e espumantes, mas também a oferta turística do município.

Pub