Município em destaque pelas boas contas

Classifique este item
(0 votos)

O Município da Mealhada volta a destacar-se no Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses pela saúde das suas contas. Tal como o ano passado, está em primeiro lugar nos rankings relativos ao menor índice de dívida total e menor passivo por habitante no universo dos 308 municípios portugueses. E figura em segundo lugar no ranking global de municípios de média dimensão.

Os dados do Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses espelham a boa saúde financeira do município da Mealhada no que se refere às contas de 2016, com significativa melhoria relativamente às de 2015, ano que o município já havia sido bem classificado na generalidade.

No anuário relativo às contas de 2016, a Mealhada figura no segundo lugar no ranking global dos municípios de média dimensão, no que respeita à boa saúde financeira, (em 2015 aparecia em 9º lugar), com igual posição no contexto do distrito de Aveiro (em 2015 estava na terceira posição). Tal como já acontecia desde 2014, lidera os municípios portugueses no que respeita ao índice de dívida total e figura também em primeiro lugar como o município com menor passivo por habitante, com 50,40 €, quando a média nacional é de 654€ de passivo por habitante.

O município aparece ainda em posições destacadas noutros indicadores, como o “Grau de execução do saldo efetivo na ótica dos compromissos”, em que está na 8ª posição, sendo o primeiro do distrito de Aveiro e também o primeiro no enquadramento da CIM – Região de Coimbra. Relativamente ao “Melhor grau de execução de despesa relativamente aos compromissos assumidos” consegue um 9º lugar, liderando também os distritos de Aveiro e Coimbra, e figura em 20º lugar nos “Municípios com maior equilíbrio orçamental” no universo dos 308 municípios portugueses.

Uma avaliação que faz da Mealhada um município eficiente no uso dos recursos públicos e torna-o atrativo para viver ou investir.

O Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses apresenta uma análise económica e financeira das contas dos municípios relativas ao exercício económicos de 2016, contando, para tal, com a colaboração do Tribunal de Contas. O Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses resulta de um trabalho em equipa que envolve atualmente dois centros de investigação onde estão integrados os autores: o Centro de Investigação em Contabilidade e Fiscalidade (CICF) do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) e o Centro de Investigação em Ciência Política (CICP) da Universidade do Minho.

Lida 365 vezes

Autor

Ondas da Serra

Ondas da Serra® é um Orgão de Comunicação Social periódico, distribuído electronicamente, que visa através da inserção de notícias, promover a identidade regional, o turismo, e a divulgação/defesa do património natural, arquitectónico, pessoas, animais e tradições, dos concelhos da região norte do distrito de Aveiro, nomeadamente: Ovar, Santa Maria da Feira, Espinho, São João da Madeira, Oliveira de Azeméis, Vale de Cambra e Arouca e do forma mais geral dos restantes municípios do distrito.

Itens relacionados

Percursos pedestres em Aveiro

O nosso magnifico distrito possui dezenas de trilhos onde podemos observar a natureza, pássaros, insetos, flores, árvores e escutar um silêncio que dificilmente encontramos no meio urbano. Por vezes durante as caminhadas poderá cruzar-se com os habitantes desses locais, lembrem-se que um cumprimento e um sorriso não custam nada e fazem muito bem. Nós temos falado com pastores, pescadores, idosos e feirantes que sempre nós ensinam algo e nos relembram de outros tempos em que a sociedade estava mais unida.

Eventos Ondas da Serra

Ondas da Serra pontualmente efetua alguns eventos onde pretendemos envolver a nossa comunidade. Nós achamos ser nosso dever partilhar os nossos conhecimentos, sobre yoga, meditação, amor que temos pela humanidade, património natural e arquitetónico, animais e tradições. Defendemos um mundo melhor, onde as pessoas vivam em harmonia consigo próprias e com o universo, sem semearem a discórdia. Já fomos andar de bicicleta, de bateira na Ria de Aveiro, de barco no Rio Douro, subimos serras, mergulhamos em lagoas, fizemos yoga e meditação e partilhamos almoços em locais fantásticos. Aqui ficam alguns dos nossos momentos, não perca a oportunidade de viajar connosco.

Museus na região Aveiro

Ondas da Serra apresenta neste artigo uma seleção de museus que pode visitar, onde poderá apreender sobre história, património, história da cortiça, chapelaria, música, rádio, espécies de peixes, azulejos, casas antigas, ferramentas agrícolas ou como se fabricava o papel.

Pub