domingo, 15 janeiro 2017 15:19

Praia fluvial da Mamoa: mergulhe na natureza Destaque

Classifique este item
(2 votos)

Em Portugal, as praias fluviais são formas refrescantes de mergulhar em ambientes de beleza ímpar, esculpidos no seio da natureza. A praia fluvial da Mamoa, na freguesia de Milheirós de Poiares, é ideal para os apaixonados por desportos ao ar livre e momento de profundo relaxamento.

Praia fluvial da Mamoa: mergulhe na natureza

É fácil apaixonar-se por esta infraestrutura do concelho de Santa Maria da Feira ao primeiro vislumbre. Inserida no âmbito da reabilitação das zonas ribeirinhas e criação de espaços públicos de lazer em estreita ligação com a natureza, este espaço tem ao dispor dos banhistas duas praias, uma em cada margem, áreas ajardinadas e de lazer, e estacionamento.

Dotada de equipamentos desportivos, infraestruturas de apoio às atividades lúdicas, bar e restaurante, a praia fluvial da Mamoa tem uma área de cerca de dois hectares, contígua a uma ponte rodoviária sobre o rio Antuã, junto à qual se encontra um pequeno moinho, totalmente remodelado.

Em 2011, começa o processo de revitalização de uma paisagem esquecida durante vários anos. Seis anos depois, a Praia fluvial da Mamoa, com vigilância entre os meses de Julho e Agosto, é um ponto turístico de enorme interesse em Santa Maria da Feira. As sombras gratuitas, a água limpa, os desportos ao ar livre e o espaços de convívio atraem todos os Verões dezenas de pessoas à freguesia de Milheirós de Poiares. 

 

Coordenadas GPS
N 40º55’41,52” W 8º28’02,56”

Fonte: Câmara Municipal de Santa Maria da Feira

 

Lida 1264 vezes Modificado em sexta, 09 abril 2021 15:30

Autor

Ricardo Grilo

Histórias capazes de entrar em contacto com as emoções de quem as lê justificam a minha paixão pelo jornalismo. Natural de Santa Maria da Feira, acredito no potencial de um concelho em ensaios para escrever a sua autobiografia. Aos 24 anos, e enquanto colaborar do ‘Ondas da Serra’, procuro a beleza em escrever sobre uma terra tão especial.

Itens relacionados

Praia Fluvial do Castelo a melhor do Douro e Ilha dos Amores

A Praia Fluvial do Castelo, fica localizada na freguesia de Fornos em Castelo de Paiva, sendo banhada pelas amenas águas do Rio Douro. O Rio Paiva aqui desagua em frente à sua amada Ilha dos Amores, que outrora fortificada defendia cristãos de ataques de muçulmanas gentes e ajudou a fundar a Lusitânia Pátria. O seu enquadramento natural, desportos náuticos e infraestruturas oferecidas fazem dela uma das melhores da região. Este é também um lugar para gente jovem, que atravessa a nado até à ilha e do cimo de temerosos penedos se precipitam como loucos, em saltos vertiginosos, para as tranquilas águas do rio. Durante o verão, aos fins-de-semana há uma grande azáfama de embarcações a motor, por vezes fazendo perigar a segurança dos banhistas. As ondas arremetem para a praia, à passagem dos grandes cruzeiros, com turistas a ver as vistas das arribas do Douro, que acenam alegremente, mas lançando invejosos olhares ao povo que se refresca na praia.

Meitriz aldeia de xisto com bela praia fluvial no Rio Paiva

Meitriz em Arouca é uma terra profundamente longínqua, que brotou do fundo do Vale do Rio Paiva e que conserva ainda a sua traça tradicional, recebendo a distinção de Aldeia de Portugal. O rio por ela se enamorou, fazendo-lhe uma vénia ao chegar e oferecendo-lhe uma praia fluvial para se perfumar. Ela deu-lhe volta à cabeça, ele deu-lhe voltas ao rio, tão recortadas de pasmar, não podendo ficar partiu, dando lágrimas ao lugar. Por estas terras se reconquistou e perdeu território para o Sarraceno, Almançor por aqui atemorizou, mas este povo sempre lutou e como em Moldes igrejas sempre edificou. 

Ria de Aveiro: Conheça belo trilho escondido para BTT

As margens da extensa laguna da Ria de Aveiro, oferecem aos amantes da natureza, birdwatching, caminhadas e BTT, inúmeros locais paradisíacos para explorar. Alguns destes percursos estão já devidamente referenciados, mas há outros menos conhecidos que permitem viajar na companhia da ria, pelo lado lunar, por trilhos em terra batida, taludes ou passadiços. O Ondas da Serra ao longo do tempo foi explorando estes recônditos caminhos, catalogando e unindo alguns percursos menos conhecidos. Neste artigo vamos dar-lhe a conhecer um trilho entre Ovar e Aveiro, com mais de 80 quilómetros, pelo lado nascente da ria, assinalar cais, ribeiras e esteiros, pontos de interesse, fauna e flora. Vamos também disponibilizar os arquivos de tracking para os seus aplicativos de desporto, de forma a poderem também seguir a nossa exploração.