Em Cabomonte – São Miguel de Souto, na Tasca Centenária da Marçalina, um grupo de amigos reuniam-se em convívio à volta das cartas, dos petiscos e das brincadeiras. Com o tempo trouxeram instrumentos, os cantares ao desafio e a vontade de formarem um grupo musical. Desta forma simples nasceu o conjunto “Os Amigos da Tasca Centenária”, composto por seis músicos e uma cantadeira que perpetuam a nossa memoria coletiva com as suas vozes e melodias tradicionais.

É na antiga escola primária de Espargo que todos os Sábados, por volta das nove horas da noite, os membros do Grupo Folclórico “Andorinhas de Espargo” ensaiam o património cultural da terra. Falamos com Jorge Pintassilgo, presidente do Grupo Cultural e Recreativo, para medir o pulso de um dos principais álbuns da história de Espargo, concelho de Santa Maria da feira.