Pág. 2 de 5

A Ria de Aveiro que banha esta parte do litoral também chega à Murtosa. Esta localidade possui excelentes condições para os amantes das caminhadas, pedaladas, simples observadores e pescadores. É um local bem iluminado, onde se faz sentir a ruralidade e o cheiro por vezes incomodativo dos fertilizantes naturais. É uma terra plana, cheia de canais, caminhos e recantos encantadores para descobrir.

Andando a pé pelo centro histórico da cidade de Oliveira de Azeméis, que se desenvolve basicamente ao longo das ruas Bento Carqueja e António Alegria, que constituem o traçado da antiga EN 1 dentro da cidade, é possível observar vários edificios de grande valor patrimonial.

Este percurso tem cerca de 4,3 km com partida no Mercado Municipal e chegada à Praça José da Costa. O percurso pode ser efetuado em qualquer época do ano, sendo que, sem chuva a visita será mais beneficiada. Percurso maioritariamente plano.

Se visitar Ovar não deixe de passear pelas margens do Rio Cáster em direção à sua foz na Ria de Aveiro. Este curso de água que outrora se encontrava bastante poluído, nasce na freguesia de Sanfins, do concelho de Santa Maria da Feira e atravessa várias freguesias Feirenses e passa bem no centro da cidade vareira, desaguando na Ria de Aveiro, que tem o seu limite norte no Carregal.

Ondas da Serra regressou às montanhas desta vez andou pelos caminhos do PR1 em Varandas da Felgueira - Vale de Cambra, que faz parte das “Aldeias de Portugal”. Neste vídeo centrar-nos como habitualmente nas pessoas, nos rostos mais expressivos e nas historias de vida que fomos encontrando pelos caminhos de Felgueira, Carvalhal do Chão, Vilar de Cepelos e Viadal. O trilho está muito bem assinalado, contudo como ardeu muita floresta no verão passado, em alguns locais há poucas sombra em dias de muito calor.

No dia 07 de Abril 2017, a equipa "Ondas da Serra" aos primeiros raiares da madrugada, deixou as ondas da ria e do mar de Ovar, para rumar às montanhas mágicas de Vale de Cambra, aqui ficam um conjunto de fotografias que documentam a nossa passagem pelo PR1 - Varandas da Felgueira. Estas montanhas poderiam ser mais mágicas se muito do percurso não tivesse sido queimado pelos incêndios no verão do último ano.

Ondas da Serra regressou às montanhas desta vez andou pelos caminhos do PR1 em Varandas da Felgueira - Vale de Cambra, que faz parte das “Aldeias de Portugal”. Neste artigo vamos centrar-nos como habitualmente nas pessoas, nos rostos mais expressivos e nas historias de vida que fomos encontrando pelos caminhos de Felgueira, Carvalhal do Chão, Vilar de Cepelos e Viadal.

Pág. 2 de 5