Pág. 4 de 9

Arouca (53)

Arouca

Concelho situado no interior sul da AMP, Arouca assume a situação de fronteira entre o litoral e o interior e as Regiões Norte e Centro de Portugal. o vale de Arouca é circundado pela serra do Gamarão a norte, pelo monte cónico da Mó a leste e pela serra da Freita a sul, sendo atravessado pelo rio Paiva, um dos rios menos poluídos da europa.

O concelho de Arouca tem um notável património histórico e natural, destacando-se a esplendida cascata - Frecha de Mizarela e as Pedras Parideiras na serra da Freita, o Mosteiro de Arouca e o Geoparque de Arouca, reconhecido pelo seu excecional património geológico de relevância internacional. Terra de tradições, Arouca apresenta uma gastronomia rica com iguarias únicas, desde a carne arouquesa aos doces conventuais.

Fonte: portal.amp.pt

O ONDAS DA SERRA e o Espaço Yoga de Ovar organizaram, neste outono, um passeio a Drave. Desde 2003 que esta "Aldeia Mágica", enfiada numa cova criada pelo encontro das serras da Freita, São Macário e Arada, serve de Base Nacional ao Corpo Nacional de Escutas. Viaje com o nosso grupo, de 24 caminheiros, entrando na galeria que preparámos para si. Fotos de Fernando Manuel Oliveira Pinto.

Depois dos incêndios que devastaram Arouca em 2016, grande parte das demarcações dos percursos pedestres foram danificadas. Recebemos recentemente informações da Câmara Municipal de Arouca, que as marcações estão quase todas repostas, nomeadamente a do PR 8 – Rota do Ouro Negro, que pode ser feita de Fuste a Rio de Frades ou vice-versa. Foi este que fomos fazer no dia 13 de novembro e sobre a qual vamos falar um pouco.

Já estamos habituados que nas nossas caminhadas e explorações nos aconteçam as mais variadas peripécias. Na nossa viagem a Fuste – Moldes – Arouca, para trilhar o PR8 - Rota do Ouro Negro, aconteceu-nos algo especial.

Numa destas frias manhãs de outono deslocamo-nos ao lugar de Fuste, que pertence à freguesia de Moldes em Arouca. Chegamos ao local por uma estrada pequena em largura e condições. Os vales das serras ainda estavam cobertos pela neblina matinal, mas o sol prometia chegar por breves horas aos locais mais recônditos.

Diz-se muitas vezes acertadamente que a beleza e magia estão no olhar de quem observa, este verbo foi usado intencionalmente, porque observar é diferente de ver, assim como escutar é diferente de ouvir.

No passado dia 29 de outubro, Ondas da Serra em parceria com o Espaço Yoga de Ovar, organizaram uma viagem entre Regoufe e aldeia mágica de Drave, localizadas em Arouca.

Pág. 4 de 9